Chat no mensseger

31 de jan de 2011

Antigo 'estádio dos mortos' será palco decisivo do Corinthians

Tolimenses rebatizam palco da partida pela Libertadores, que tinha o mesmo nome de cemitério local 

Estádio do Tolima (Foto: Rodrigo Vessoni)Estádio do Tolima (Foto: Rodrigo Vessoni)
O palco da decisão corintiana na primeira fase da Libertadores já foi conhecido como “estádio dos mortos”, apelido que só caiu no esquecimento em Ibagué (COL) após a mudança do nome oficial que, hoje, é Manuel Murillo Toro.

No início da década de 80, depois de ser chamado La Libertad, Gustavo Rojas Pinilla, Serrano de Ávila e até 20 de Julio, o estádio ganhou um novo nome: San Bonifacio. O problema é que o principal cemitério da cidade tinha o mesmo nome. Por pressão de torcedores tolimenses, que acreditavam que o azar rondava a equipe, o clube resolveu alterar o nome pela última vez.

– Foi bom ter acontecido isso. Seríamos motivo de brincadeiras dos rivais e um clube mais ligado à espiritualidade do que ao esporte – afirma Jose Camargo, funcionário do estádio há dez anos.

A inauguração oficial do estádio, que ocupou o espaço de um hipódromo abandonado, foi em 10 de abril de 1955 – derrota do Tolima para o pequeno Boca Juniors (COL), que disputou o amistoso com jogadores emprestados dos também colombianos América e Deportivo Cali.

Os 4.500 lugares iniciais tornaram-se 19 mil no fim de 98, após a ampliação das arquibancadas. Em 2002, com uma grande reforma, a capacidade foi ampliada para 30 mil.
CONFIRA AQUI A GALERIA DE FOTOS DO ESTÁDIO

Em 2007, dirigentes do clube e autoridades locais prometeram ampliar e reformar do estádio, mas a obra segue sem conclusão.
A falta de dinheiro do governo e a negativa dos moradores ao redor do estádio em vender suas propriedades são os principais motivos do atraso, que provoca brigas entre Óscar Barreto Quiroga (governador de Tolima), Jesús María Botero (prefeito de Ibagué) e Gabriel Camargo (presidente do Deportes Tolima).
Para resolver a situação, o Instituto Municipal de Recreação e Esportes de Ibagué passou a administrar o Manuel Toro este ano. O novo prazo para a reforma do setor norte, que será aumentado em 900 metros quadrados, é julho de 2011.

Nenhum comentário:

Postar um comentário